quarta-feira, 18 de setembro de 2013

UMA REFLEXÃO PARA AS MULHERES!!!

Oi Gentemmm... eu não costumo assistir à novelas, não tenho muita paciência para histórias que não se resolvem... hoje, porém, fiquei curiosa com uma cena da novela global Amor à Vida, pois companheiras de trabalho e de Pilates comentaram avidamente sobre a descoberta da traição do marido pela personagem Pilar (Suzana Vieira), de uma surra dada na amante em questão e do perdão dado pela esposa ao marido... não tenho muita propriedade para falar de tal ficção, mas quando li no Facebook este pequeno texto de minha amiga jornalista Elaine Moura eu me apropriei de suas palavras para me expressar sobre este episódio fictício, mas que parece vida real:

Uma Reflexão para as Mulheres"

"Ontem, Walcyr Carrasco desnudou - através da brilhante representação de Suzana Vieira - uma verdade cruel: quanto o amor da mulher pode ser autodestrutivo. Tenho pena de nós, mulheres, que amamos assim, de forma visceral, cegamente, sofremos demais. Foi vergonhosa a cena de perdão da personagem Suzana Vieira ao Cesar (Antonio Fagundes). Bastou o mamífero ajoelhar-se e chamá-la de "querida" que a infeliz perdoou a falta de caráter do marido e o acolheu (mais uma vez) em seus braços. Uma vergonha! Minha reflexão vai além da questão homem/mulher, fidelidade/infidelidade - a cena trata de domínio, de superposição de desejos, de controle de pessoas. Ontem foi só ficção, mas a observação empírica da nossa realidade apresenta milhares de "Pilares" e "Cesares" pela vida. Poderíamos, quem sabe, aprender a amar como os homens - mais superficialmente. Fique claro: penso que há homens e mulheres há anos luz de distância desse tipo de relação doentia, mas lamento o papel triste que algumas mulheres ainda representam na novela da vida real."
ELAINE MOURA ( Jornalista-RJ)

Eu sei que cada um(a) tem seus motivos para agir desta ou daquela forma, mas eis aí algo para reflexão... e refletir é sempre muito bom, nos faz ir além das nossas infelizes certezas!!!
Beijosss!!!

3 comentários:

  1. muito bom, é isto mesmo! temos que nos valorizar, amar sem deixar de ter amor pr´prio!

    ResponderExcluir
  2. Olá Jane
    Não assisti nenhum capítulo desta novela, mas é inevitável não ficar sabendo, a Globo faz tantas chamadas, pelo menos o básico dá pra entender.
    Aqui trata-se de uma ficção, mas na vida bem real, isto acontece muito, não sei, é difícil condenar estas mulheres, só mesmo passando pela mesma situação pra descobrir qual seria nossa reação.
    Que Deus me livre e guarde de passar por esta humilhação.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. QUANDO DA REALIZAÇÃO DA CERIMÔNIA DE CASAMENTO É PROFERIDA A FAMOSA E SOLENE FRASE:" O QUÊ DEUS UNIU NÃO SEPARE O HOMEM".SE TODOS,HOMENS E MULHERES,BUSCASSEM SUAS REALIZAÇÕES SOB A ÓTICA E A PRESENÇA DE QUEM OS UNIU,COM CERTEZA SERIAM FELIZES,SÁBIOS E ASSERTIVOS,ATÉ PARA QUE NÃO PERDESSEM TEMPO E DESCARTASSEM ALGO QUE NÃO OS EDIFICA EM NADA,COMO ESSAS NOVELAS IMORAIS.

    ResponderExcluir